Os executivos da multinacional de RH Gi Group propõem conselhos e experiência na primeira pessoa sobre como aproveitar ao máximo um período sabático.

Passar alguns meses ou até anos afastados do trabalho é uma opção inimaginável para certas pessoas, mas para outras pode ser uma forma de aproveitar algum tempo para recarregar baterias e para repensar a sua vida. Esta desconexão voluntária, também conhecida como sabática, pode ser mais produtiva do que imagina, mas exige planeamento e foco.

Ao contrário do período de férias ou outros tipos de licenças, um período sabático não é pago e as pessoas podem ficar longe das suas atividades profissionais por mais de seis meses, ou mesmo abandonar a empresa. Os motivos para fazer uma pausa variam, mas de forma geral os principais são a reflexão sobre a vida pessoal e profissional, a realização de um projeto ou jornada de sonho, cuidar de um parente doente ou inclusivamente por motivos maternidade.

Fernanda Trindade, Head of Marketing da Gi Group Brasil, optou por um período sabático de oito meses para se desconectar de uma rotina stressante de trabalho e encontrar novos objetivos, tornando realidade o sonho de viajar pelo mundo.  De janeiro a setembro de 2016, viajou por um total de 19 países na Europa, Ásia e América do Sul com seu então marido. Para financiar a viagem, abdicou do seu apartamento, vendeu quase tudo o que possuía e até fez trabalhos temporários nos lugares onde passava mais tempo.

O tempo que passou fora do Brasil foi vital para Fernanda aperfeiçoar o inglês e o espanhol, o que a ajudou a encontrar um emprego rapidamente quando regressou do período sabático e a adotar um ritmo de vida mais produtivo e equilibrado.  “Tornei-me mais altruísta, mais calma e mais certa de que há muito mais na vida do que tempo passado no escritório e com os protocolos sociais. Assim, comecei a procurar oportunidades profissionais que me ofereciam uma melhor qualidade de vida e também comecei a olhar para a vida com mais afeto, encontrando a beleza em pequenas coisas”, explica.

Para Luciana Port, Diretora Financeira da Gi Group no mesmo país, o seu período sabático foi motivado por uma mudança para os EUA quando o marido foi transferido para lá em 1998. A sua pausa na carreira durou um ano e meio e, nesse período, a executiva viajou para a Europa, fez outro curso de pós-graduação e fez voluntariado numa biblioteca.

Segundo Luciana, além de aperfeiçoar o inglês e descobrir outras culturas, morar noutro país ensinou-a a interagir com as pessoas de maneiras diferentes e deu-lhe uma visão multicultural que lhe permite ver outras formas de agir e planear o futuro de maneira mais ampla. “Tento praticar o conceito de fair play, profundamente enraizado no povo norte-americano, na minha vida pessoal e profissional. Outra lição importante foi a cultura do planeamento com a flexibilidade adequada e com resultados surpreendentes. ”

 

Tenha em mente estes conselhos para o seu período sabático

Um período sabático não prejudica a sua carreira, mas pode não ter o resultado que a pessoa espera na esfera profissional, alerta João Dantas, Head of Human Resources da Gi Group Brasil. “Para que o período sabático se integre no seu currículo como algo que o destaque positivamente e que seja uma experiência transformadora, é vital planeá-lo, não como umas férias prolongadas, mas como um tempo para aprender, direta ou indiretamente, e refletir sobre novos hábitos e maneiras de agir “.

 

Defina as suas próprias metas

Antes de iniciar o seu período sabático, pense nos objetivos que deseja alcançar, no objetivo de vida que deseja prosseguir, como conseguirá fazer tudo o que ambiciona e quanto tempo achará necessário.

Planeie as suas finanças

Para se dar ao luxo de fazer uma longa pausa na carreira, é vital preparar-se financeiramente. Faça um plano calculando quanto precisa poupar para ter o suficiente para se dedicar ao seu projeto e quanto tempo precisará para atingir o seu objetivo. Verifique quanto pode gastar e procure opções para economizar dinheiro. Quanto mais informações tiver, mais opções terá para lidar com o inesperado.

Procure outras fontes de rendimento

Vai precisar de dinheiro para se sustentar enquanto estiver fora do trabalho. Empregos temporários são a forma ideal de aumentar o seu orçamento e também experimentar algo novo. Aproveite o seu conhecimento para oferecer aulas de idiomas ou pense numa técnica que domina e ofereça aulas.

Aproveite a oportunidade para aprender algo novo

Aproveite ao máximo o seu período sabático para aprender tudo o que puder. Faça trabalho voluntário, aprenda um novo idioma ou técnicas novas e diferentes, converse com as pessoas para adquirir novas experiências e descobrir diferentes culturas que podem ajudá-lo no seu desenvolvimento pessoal e profissional.

Esteja aberto à inovação

Se estiver a viajar, visite vários locais e, acima de tudo, mantenha a sua mente aberta para o que é novo. Há beleza e inteligência em todas as culturas, respeite-as, tente entendê-las e praticá-las. Além disso, deixe o seu contributo aonde quer que vá.

Negocie com a sua empresa

Descubra se a empresa em que trabalha concordará em manter sua posição em stand by enquanto estiver a realizar o seu projeto pessoal e por quanto tempo pode ficar afastado das suas obrigações.

Como se preparar para regressar ao trabalho

Ao procurar uma nova oportunidade após o período sabático, pesquise a cultura das organizações nas quais deseja trabalhar e descubra como elas encaram os períodos sabáticos. Estes intervalos de carreira são cada vez mais comuns e a maioria das grandes empresas possui programas para incentivar esse tipo de prática.

Como atualizar seu currículo após um intervalo

No seu currículo e nas entrevistas de emprego, descreva as habilidades que adquiriu, as suas experiências e como pode contribuir para a empresa com o que aprendeu durante esse período, enfatizando o que melhor se encaixa na função que deseja.

“Não tenha medo, intensifique. As empresas sabem que hoje em dia as carreiras são um emaranhado frenético de ir e vir. A empresa certa poderá reconhecer a sua coragem em enfrentar algo tão transformador ”, aconselha Dantas.

 

Fernanda Trindade
Marketing and PR Manager – Wyser Brasil

João Dantas
HR Manager – Wyser Brasil

Luciana Port
CFO – Wyser Brasil