Este período em que passamos mais tempo em casa é uma ótima oportunidade para passar mais tempo com os nossos filhos e dar-lhes a atenção que normalmente não conseguimos dar.

Só que para quem está em regime de teletrabalho, trabalhar com os filhos por perto pode ser uma enorme dor de cabeça. Entre gritarias, brincadeiras, birras, e outras tarefas domésticas, avançar com o seu trabalho pode ser um verdadeiro desafio.

 

1- Organize-se, a responsabilidade é sua.

A organização do seu tempo e do seu trabalho depende de si e não dos seus filhos. Crie metas, tempos de trabalho e tempos de lazer, marque reuniões para as horas que sabe que serão mais calmas e não diga que sim a tudo. Esta é a altura de ser mais eficiente e limitar os volumes de trabalho ao que faz realmente a diferença.

 

2- Crie rotinas para si e para eles.

Este isolamento em casa não quebrou apenas a sua rotina, mas a dos seus filhos também. Estavam habituados a outro quotidiano: escola, amigos, desporto. Desenvolva rotinas em casa, servem como ponto de referência para saber o que está previsto e aliviam o stress de não saber como será o seu dia.

 

3- Alterne quem fica com os filhos.

Se é casado ou vive com alguém que o possa ajudar, alterne os horários de quem fica com os filhos e aproveite o seu tempo livre para trabalhar. Uma boa prática é a de ficar uma manhã inteira a trabalhar e passar a tarde com os filhos, pode recuperar tempo de trabalho à noite quando estão a dormir. Se optar por horários mais reduzidos arrisca-se a perder a concentração e retomar o trabalho demora mais tempo.

 

4- Televisão, tablets e smartphones: sim, mas com critérios

Pode parecer fácil pôr os filhos à frente de um ecrã para os entreter enquanto trabalha. Fazê-lo com interações didáticas pode ser uma boa solução, mas lembre-se que não o faria o dia todo numa situação normal. Não é benéfico para os seus filhos, opte portanto por outras atividades que os possam entreter e recorra aos ecrãs por curtos espaços de tempo. Lembre-se quais são as suas verdadeiras prioridades na vida e não se esqueça que esta é uma ótima oportunidade para incentivar à leitura. Encomende livros online de forma confortável.

 

5- Tarefas domésticas: também fazem parte… inclua os filhos!

A maioria das pessoas, ainda tem certamente, para além de tudo isto, que lidar com as tarefas domésticas. Mantenha a casa sempre arrumada a seu gosto, planeie as tarefas e evite perder muito tempo. Aproveite o fim de semana para as tarefas maiores e envolva os seus filhos: dependendo da idade, vão adorar cozinhar, aspirar ou ajudá-lo a limpar. Aproveite para os fazer sentir incluídos na lida da casa e – porque não – habituá-los a ajudar.

 

6- Peça ajuda à escola.

Quando os filhos são mais pequenos, a dependência é muito maior. Até para ver televisão querem a companhia dos pais. Muitas creches estão a partilhar vídeos das educadoras ou sugestões de atividades para que passe o tempo com os seus filhos de forma enriquecedora para todos. Diminui a ansiedade e permite que tenha mais concentração para voltar ao teletrabalho.

 

Os tempos mudaram para muitos de nós, mas a sanidade mental é prioridade. Não pense só em si, lembre-se que esta situação tem um impacto elevado nos seus filhos e deve proteger o seu crescimento são. A eficiência é chave para manter um clima saudável no seu lar. Lembre-se que o problema nunca são os filhos e que tudo depende da gestão que você faz.